O safári do leão branco

Saiba mais sobre os animais selvagens da África do Sul.

Publicada em: 07/05/2010

A África do Sul apresenta inúmeros parques nacionais e reservas particulares dedicados à preservação da vida selvagem e seu meio ambiente. E toda essa proteção se faz necessária porque algumas das áreas típicas das savanas foram se perdendo em razão da caça e do avanço da urbanização ou das zonas agrícolas. Nos arredores da Cidade do Cabo, por exemplo, existem muitos hábitats naturais sob resguardo. Mas um desses projetos de conservação, em especial, merece atenção.

Na famosa região vinícola do "Little Karoo", lugar a apenas três horas da Cidade do Cabo e que num passado não tão distante era próprio de vida selvagem, foi criada a Reserva Sanbona. Com 54 mil hectares, ela abriga quatro lodges de luxo e um programa ambiental focado em devolver os grandes animais ao ecossistema local.

Lá, dos chamados big five (leão, rinoceronte-negro, elefante, Cheeta e búfalo), só o búfalo ainda não está integrado à selva, pois ainda é mantido em área isolada até conseguir se reproduzir em número suficiente para sustentar a predação por felinos. Os demais bichos convivem e lutam pela sobrevivência, como se suas espécies jamais tivessem sido extintas do local.

A reserva, coberta por 600 espécies de planta, guarda uma relíquia: o leão branco. O único grupo em ambiente selvagem vive justamente em Sanbona, onde foram introduzidos em 2003. Desde então, muitos filhotes já nasceram no local. A possibilidade de observá-los em plena natureza atrai muitos visitantes, o que ajuda a manter a sustentabilidade econômica do projeto e a preservação de milhares de hectares de ecossistemas nativos. Aliás, todos os bichanos do big five podem ser vistos em atividade durante um dos dois safaris diários promovidos pela reserva.

Muitos turistas também podem participar de programas de trabalho voluntário em centros de preservação ambiental e de animais selvagens. Outras reservas em Cape Town que se destacam pelos serviços prestados são a Fazenda de Avestruz de Cape Point, Fairy Glen e o Aquila Safári. Graças ainda aos cuidados com a fauna e flora, uma ida à Baía Falsa, próxima ao Cabo da Boa Esperança, permite observar baleias e pinguins em seu sublime estado natural. Cenas que farão sua viagem diferente e com lembranças inesquecíveis para levar para casa.

 

< voltar


Leia Mais

Outros artigos ver lista completa